FUNDAÇÃO LUTERANA DE DIACONIA

Notícias

Agropecuária: publicação do ISA e da Embrapa traz alternativas para produção sustentável

Produzir alimentos, carne, madeira e fibras de maneira sustentável tornou-se uma necessidade e é um dos grandes desafios do setor agropecuário brasileiro. Uma publicação lançada pelo Instituto Socioambiental (ISA) e pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) mostra que é técnica e economicamente possível produzir sem destruir os recursos naturais. O livro “Plantar, Criar e Conservar: unindo produtividade e meio ambiente” reúne textos que apresentam de maneira simplificada e didática formas de se planejar uma propriedade adequando-a ambientalmente.

A publicação, disponível gratuitamente para download, foi organizada por Natália Guerin e Ingo Iserhagen e contou com apoio da Usaid. Os sete capítulos foram escritos por pesquisadores da Embrapa, técnicos do ISA e parceiros. Eles apresentam experiências acompanhadas pelas instituições no Mato Grosso. As ilustrações e imagens utilizadas ajudam na compreensão do conteúdo. Além disso, o livro traz sugestões de fontes complementares de conhecimento sobre os temas abordados.

Conteúdo

O primeiro capítulo de “Plantar, Criar e Conservar: unindo produtividade e meio ambiente” apresenta a legislação ambiental vigente e aborda os conceitos e regras para a adequação das propriedades. Na sequência, o leitor conhecerá técnicas de restauração ecológica de áreas de preservação permanente (APP) e reserva legal (RL), bem como formas de conservação do solo e dos recursos hídricos.

Nos capítulos seguintes o livro traz um passo a passo para a adoção de modelos de produção sustentáveis. Um deles é a integração lavoura-pecuária-floresta (iLPF), que permite a produção de diferentes produtos em um mesmo local, gerando maior produção por área, diversificação de produtos, melhor aproveitamento dos recursos naturais e maior segurança para o produtor. Neste capítulo, além de introduzir o sistema produtivo, são apresentados exemplos de fazendas que já adotam a iLPF em Mato Grosso.

A publicação também mostra as boas práticas em manejo de pastagem, que contribuem para aumento da produtividade da pecuária e para a redução das emissões de gases de efeito estufa.

Nos dois últimos capítulos, o livro traz informações sobre duas importantes alternativas de complementação de renda para o produtor e que vem ganhando destaque na produção agropecuária nacional:  a apicultura e a piscicultura.

Fonte: Gabriel Faria (mtb 15624/MG JP)/Embrapa Agrossilvipastoril