FUNDAÇÃO LUTERANA DE DIACONIA

Notícias

FLD parabeniza pelos 15 anos do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis

8-06-2016

“Reconhecemos e nos alegramos pelos avanços conquistados na defesa do meio ambiente e na inclusão socioeconômica de catadoras e catadores, com a legitimidade política da profissão, a gestão integrada dos resíduos, a autogestão, a atuação em rede e a coleta seletiva solidária. A importância deste trabalho para toda a sociedade é indiscutível e nos sentimos honradas e honrados em acompanhar essa história”, escreveu a secretária executiva da FLD, Cibele Kuss, em correspondência ao Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR), parceiro da FLD, pelos seus 15 anos completados no dia 7 de junho.

Neste dia, em 2001, realizou-se a primeira Marcha Nacional, em Brasília (DF), com mais de 5 mil catadores e catadoras de materiais recicláveis e integrantes da população de rua, pedindo justiça social, justiça ambiental e justiça econômica.

Conforme publicado no site do movimento (www.mncr.org.br) “o MNCR tornou-se uma das principais ferramentas da categoria e da sociedade brasileira na luta pela defesa da natureza e pela inclusão social. As lutas pelo fim dos lixões, pelo fim do trabalho infantil, pelo reconhecimento e valorização da categoria ecoaram pelo Brasil, rompendo as fronteiras, tornando-se uma luta global pela vida, pelo planeta, revolucionando histórias.

Revolucionou vidas, porque os catadores e as catadoras de materiais recicláveis nunca mais foram os mesmos após as primeiras assembleias de base, as marchas e encontros nacionais e até as grandes discussões globais envolvendo os povos do planeta.

A reciclagem passou a ser mais que meramente a separação dos resíduos, tornando-se revolucionaria na vida da sociedade, sendo uma das principais pautas socioambientais do Brasil e do Planeta, rompendo pesados estigmas e barreiras sociais com força de lei, nas quais o ser humano passou a ser o principal fator em discussão e não apenas os resíduos.

O Movimento foi além, desde as lutas pelo reconhecimento da profissão saltando para a gestão integrada dos resíduos, a educação ambiental, coleta seletiva solidária, Redes de cooperativas com vendas conjuntas ou ainda o beneficiamento dos materiais recicláveis lutando, agora, pela Reciclagem Popular, pelo Resíduo Zero, unificando as lutas e os povos do mundo.

Somos um movimento de milhões, liderado pelo protagonismo popular onde cada companheiro e companheira têm seu papel fundamental no conjunto das lutas, cada um é um elo importante desta grande corrente nacional, desde a catadora e o catador que estão ainda nos lixões e nas ruas até aquelas e aqueles que gerenciam cooperativas e Redes de cooperativas, cada tarefa, cada agenda, tornando-se mais que um trabalho fundamental para a vida de todos e todas.”

Fonte e Logotipia: MNCR