FUNDAÇÃO LUTERANA DE DIACONIA

Notícias

Jovem Comunica contempla temas transversais dos projetos apoiados pela FLD

A pouca ou nenhuma inclusão da/o jovem na reflexão sobre a sua condição no mundo e do próprio conceito de juventude evidenciou-se durante a realização das oficinas do projeto Juventude Comunica, em Antônio Cardoso, Bahia. Segundo as/os integrantes da União das Associações de Moradoras/es de Antônio Cardoso, UAMAC, isso decorre da pouca discussão sobre juventude tanto nos grupos sociais quanto nas escolas, que não aprofundam o tema.

A dificuldade de participação nas entidades, relatada por jovens presentes às oficinas, evidenciou o papel secundário que a sociedade ainda relega as/aos jovens. Para a assessora Marilu Menezes, “esta realidade nos desafia, enquanto FLD, a aprofundarmos nosso compromisso no apoio a iniciativas de e/ou com jovens”.

O Juventude Comunica objetiva fomentar a construção de instrumentos de comunicação na União das Associações de Moradores/as de Antônio Cardoso, UAMAC, e em cada associação comunitária do município, ao todo 17 entidades. Os temas transversais dos projetos sociais apoiados pela FLD, Equidade de Gênero (Promoção da igualdade de oportunidades e a igualdade de tratamento a mulheres e homens), Superação de Violências e Preconceitos (Promoção da substituição de comportamentos violentos por comportamentos de aceitação e reconhecimento do/a outro/a) e Protagonismo (Promoção do papel crítico e ativo das pessoas no que diz respeito à sua cidadania e desenvolvimento pessoal e à sua relação com os outros e com o 'mundo'), permearam o trabalho nas oficinas. Dentre os/as 25 participantes, com idades entre 15 e 31 anos, sendo 11 do sexo masculino e 14 do sexo feminino, um jovem tornou pública a sua orientação sexual que contraria o padrão heteronormativo, evidenciando a necessidade de se trabalhar a diversidade sexual entre os/as jovens. "Fizemos este destaque, porque além de implicar novos desafios em termos de garantia da igualdade e da livre expressão sexual, é também uma importante oportunidade de discussão sobre sexualidade, gênero e sobre orientação/expressão sexual, temas que consideramos muito importantes," afirmam Jocivaldo dos Santos e Evandro Soares, presidentes da UAMAC e ACRUL, respectivamente.

O projeto Juventude Comunica, uma promoção da Associação Comunitária Rural União de Limoeiro, ACRUL, e União das Associações de Moradores/as de Antônio Cardoso, UAMAC, está na fase final, de entrega dos relatórios. As cinco oficinas do projeto Juventude Comunica devem formar os/as jovens que vão produzir boletins informativos mensais a serem divulgados às comunidades.

"É uma grande satisfação para nós realizarmos este projeto devido urgência social e sua necessidade básica para o desenvolvimento do município como um todo, em especial a juventude rural e negra, que necessita construir espaços de comunicação e de diálogos," concluíram.  


Foto Divulgação Escola de Capoeira Universo Cultural: Mercado Público de Antônio Cardoso, Bahia