FUNDAÇÃO LUTERANA DE DIACONIA

Notícias

Ministra recebe Carta Aberta com reivindicações da população do Pampa

A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, recebeu em mãos, no dia 23 de abril, a Carta Aberta do Seminário Valorização socioambiental do Pampa: integrando saberes e práticas, promovido pela FLD em São Francisco de Assis (RS), no dia 26 de fevereiro, via Projeto Pampa. O projeto é planejado e executado pela FLD, em parceria com o Movimento Nacional de Catadores de Materiais Recicláveis e apoio da agência alemã Pão para o Mundo.

A carta foi entregue por integrantes do Grupo Consultivo do Projeto Pampa durante o Seminário Internacional Bioma Pampa, realizado nos dias 23 e 24 de abril, em Porto Alegre (RS), pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) e pela Fundação Zoobotânica (FZB). Além da entrega para a ministra, uma representante do grupo - Eliane Regina Tasca, do Assentamento de Reforma Agrária do Imbaá - leu o documento para o público presente na Assembleia Legislativa (na foto em destaque).

"O patrimônio natural, genético e cultural do Bioma Pampa é desconhecido da maior parte da população brasileira e sua importância no equilíbrio ecológico e na manutenção de todas as formas de vida é desconsiderada quando da elaboração de programas e projetos de desenvolvimento direcionados para o território, especialmente para a região da Fronteira Oeste do Estado do Rio Grande do Sul", afirma o texto.

Considerando demandas locais

A participação das comunidades residentes é um dos pontos de destaque no documento: estas "reivindicam o reconhecimento de suas necessidades específicas e de suas próprias iniciativas na formulação de políticas públicas. Manifestam também a necessidade dos governos Federal, Estadual e Municipais reconhecerem e fomentarem a articulação de iniciativas, sejam elas governamentais ou não governamentais, e promoverem a participação efetiva de diferentes sujeitos habitantes da região/território, bem como as diferentes organizações e entidades atuantes na região/território na elaboração e execução de programas e projetos de desenvolvimento direcionados para o Bioma Pampa". O documento, disponível abaixo para download, é assinado pelas organizações presentes no Seminário "Valorização socioambiental do Pampa: integrando saberes e práticas" e organizações parceiras da FLD que atuam em diferentes biomas brasileiros.

Participação no seminário internacional

Além de Eliane, outros integrantes do grupo consultivo participaram do evento em Porto Alegre: Vanderlei Oliveira dos Santos, de Rosário do Sul, representando o segmento da Agricultura Familiar; Ludovina da Silva Silveira, de Alegrete, do segmento da Pecuária Familiar; Gislaine Gomes Segabinazi, de Alegrete, do segmento de Artesanato; Leandro Itamar Garcia Tribino, de Quaraí, da Pesca; Wessllen  de Oliveira Cogo, de Uruguaiana, Juventude; Elaine Vicentina da Silva Lôndero, de Alegrete, Sindicato dos Trabalhadores Rurais; Luis Bortoluzzi, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e do Conselho Municipal de Meio Ambiente de Uruguaiana; e Ênio Maraschin, do Colegiado do Território Pampa; além dos colaboradores do grupo consultivo Marcos Flavio Silva Borba, da Embrapa, e Eridiane Lopes da Silva, da Área de Proteção Ambiental (APA) do Ibirapuitã. Pela FLD, participaram as assessoras técnicas do Projeto Pampa, Maria Helena Matchin e Ângela Costa, e a coordenadora do Projeto Pampa, Juliana Mazurana.

Para ler mais sobre o seminário em São Francisco de Assis acesse aqui, e sobre o seminário do Governo do RS, acesse http://www.sul21.com.br/jornal/governo-federal-investira-recursos-no-bioma-pampa/