FUNDAÇÃO LUTERANA DE DIACONIA

Notícias

Rede de Comércio Justo e Solidário atrai visitantes em evento multinacional

3-11-2015

Produtos de artesanato, biojóias, reciclagem e confecção de roupas, criados pelos grupos integrantes da Rede de Comércio Justo e Solidário, uma iniciativa da Fundação Luterana de Diaconia (FLD), chamaram a atenção na 13ª Conferência da Diaconia das Américas e Caribe (DOTAC). Mais de 100 visitantes passaram pelo estande, onde diversos itens foram comercializados.

Segundo a assessora de projetos da FLD, Graziella Emmerta, o destaque foi extremamente positivo. “É importante que empreendimentos da Economia Solidária possam divulgar seu trabalho e a proposta da rede, assim como comercializar os seus produtos. A forma como esse processo foi facilitado no encontro foi fantástica”, afirma.

A representante do empreendimento Art’ escama, Terezinha Carvalho, relacionou o sucesso com a importância das compradoras e dos compradores saberem de onde vêm o produto. “Quanto mais elas e eles sabem sobre a origem do material, como é produzido e a história do empreendimento, mais se interessam em comprar e mostrar para familiares - e isso nos ajuda a divulgar ainda mais a Economia Solidária.”.

A conferência, realizada entre os dias 20 e 25 de outubro em Porto Alegre (RS) reuniu cerca de 100 representantes vinculadas e vinculados à Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB) e lideranças diaconais vindas do Canadá, Caribe, Costa Rica, Brasil, EUA e Jamaica. A DOTAC faz parte da Diakonia World Federation e está aberta a associações diaconais, irmandades, comunhões e ordens de diaconisas, diáconas e diáconos na América do Norte, Caribe, América Central e América do Sul, que se dediquem ao serviço por meio do ministério diaconal.  

Este ano, foi trabalhado o desafio Diaconia de Jesus: das migalhas à comunhão integral, que busca identificar a diaconia como ato movido pela inconformidade diante da dor, da exclusão e da diminuição de gente, que não reconhece barreiras étnicas, culturais, econômicas, de gênero e nem de religião. O próximo encontro será em 2019, em Vancouver, no Canadá.