FUNDAÇÃO LUTERANA DE DIACONIA

Notícias

​Representantes da Rede de Comércio Justo e Solidário participam de oficina sobre violência

19-04-2017

Superação da violência doméstica e familiar foi tema de oficina promovida pela Fundação Luterana de Diaconia (FLD), em Porto Alegre (RS), no dia 18 de abril, com base na metodologia diaconal da exposição Nem tão Doce Lar. A exposição, que é itinerante e interativa, objetiva popularizar o debate sobre a violência, na perspectiva da efetivação das políticas públicas e na constituição de redes de apoio e empoderamento de grupos de mulheres.

Pela primeira vez, a formação se deu especificamente para mulheres representantes de empreendimentos econômicos solidários, que integram a Rede de Comércio Justo e Solidário – uma iniciativa da FLD na área de Justiça Econômica. Trinta e cinco mulheres participaram, discutindo sobre o tema da violência enquanto um problema de saúde pública, que atinge uma parcela significativa da população. O pano de fundo da oficina foi a reflexão sobre justiça de gênero.

O encontro também permitiu um diálogo sobre as diferentes formas de violência, previstas na Lei Maria da Penha (11.340/2016): violência física; violência do abandono e negligência; violência sexual; violência psicológica; e violência patrimonial. Outro aspecto foi o da violência religiosa, muitas vezes usada para justificar atos violentos no âmbito doméstico e familiar.

A partir do material didático utilizado, foram abordadas as violências contra pessoas idosas, pessoas com deficiência, mulheres e meninas, crianças e adolescentes e população LGBT.

No final do encontro, o grupo avaliou a discussão sobre o tema da violência e saúde pública como urgente e necessário, e solicitou um segundo módulo, onde pudessem ser aprofundados alguns conceitos, apresentados os serviços locais e feitos encaminhamentos práticos para possível atuação dos empreendimentos no incentivo à denúncia e fortalecimento das redes de apoio.

O evento aconteceu no auditório do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre, em uma parceria da FLD com o SindiBancários. Para saber mais sobre a Nem Tão Doce Lar, acesse o nosso site:http://fld.com.br/page/nem-tao-doce-lar/