FUNDAÇÃO LUTERANA DE DIACONIA

Primeiros Cuidados Psicológicos: guia para trabalhadores de campo

Primeiros Cuidados Psicológicos: guia para trabalhadores de campo

Quando situações terríveis ocorrem em nossas comunidades, países e no mundo, sentimos vontade de estender uma mão amiga aos que foram afetados. Este guia abrange os primeiros cuidados psicológicos, que envolvem assistência humana e de ajuda prática para apoiar indivíduos que sofreram sérias situações de crise e foi redigido para pessoas que auxiliam indivíduos que viveram situações de extrema angústia. O guia fornece diretrizes básicas para que as pessoas que prestam assistência respeitem a dignidade, a cultura e as habilidades das pessoas assistidas. Apesar do nome, os primeiros cuidados psicológicos (PCP) incluem tanto apoio psíquico quanto o social.

Talvez você seja chamado para trabalhar como membro efetivo ou voluntário de uma organização, para prestar assistência num desastre de grandes proporções ou ao presenciar a cena de um acidente com feridos. Talvez você seja um professor ou profissional da área da saúde que esteja conversando com alguém de sua comunidade que acaba de presenciar a morte violenta de um ente querido. Este guia auxiliará a saber quais são as coisas mais confortantes a serem feitas e ditas a pessoas em estado de estresse agudo e também fornecerá informações sobre como lidar com uma situação nova de maneira segura para todos os envolvidos, sem causar danos decorrentes das suas ações.

Os Primeiros cuidados psicológicos têm sido recomendados por muitos grupos de especialistas nacionais e internacionais, incluindo o Comitê de Interagências (IASC) e o Projeto Sphere, sendo uma alternativa à entrevista psicológica que é feita com as pessoas afetadas logo após a ocorrência de evento traumático, chamada de “ debriefing psicológico”. Em 2009, o grupo de desenvolvimento das diretrizes do Programa de Ação Global para Superação das Lacunas em Saúde Mental da OMS (mhGAP) avaliou evidências presentes nos primeiros cuidados psicológicos e no “debriefing psicológico” e concluiu que os PCP deveriam ser oferecidos a pessoas em estresse agudo logo após terem sido expostas a um evento traumático, em substituição ao “debriefing psicológico”.

Este guia foi desenvolvido para que se tivesse um material de primeiros cuidados psicológicos amplamente acordado para uso em países de baixa e média renda. As informações aqui apresentadas são apenas um modelo e deverão ser devidamente adaptadas ao contexto local e à cultura das pessoas que receberão o seu apoio.

Endossado por muitas agências internacionais, este guia reflete a ciência emergente e o consenso internacional sobre como oferecer apoio psicológico às pessoas logo após terem vivenciado eventos de extremo estresse.

Clique abaixo para fazer o download desta publicação:

   Primeiros Cuidados Psicológicos: guia para trabalhadores de campo