Nem Tão Doce Lar, pela superação da violência

Notícias

Nem Tão Doce Lar, pela superação da violência

O projeto Mulher Catadora é Mulher que Luta realizou sete exposições da Nem Tão Doce Lar, uma mostra interativa criada pela Fundação Luterana de Diaconia em 2006. A Nem Tão Doce Lar envolve uma metodologia de intervenção coletiva para a superação da violência familiar, popularizando a discussão, a denúncia e o enfrentamento de violências sofridas por mulheres, crianças e jovens.

As sete exposições aconteceram em Gravataí, Rio Pardo, Uruguaiana, em São Leopoldo, em Esteio, em Santa Cruz do Sul e em Santana do Livramento. O número de visitantes, entre catadoras e pessoas das comunidades, foi de 1.185 pessoas.

Cada edição foi precedida com um dia de formação para acolhedoras e acolhedores, que acompanharam as visitas na exposição. Para saber mais sobre a Nem Tão Doce Lar, acesse http://www.nemtaodocelar.com.br